Brasil marca presença na maior Feira de turismo de negócios do mundo

0
217

Foto: Germano de Sousa

Por  Paula Rosa*

Ministro Celso Sabino inaugurou o estande e se reuniu com potenciais investidores mundiais

O Brasil, com todas as suas potencialidades, participa, nesta semana, de uma das maiores feiras mundiais de turismo de negócios, a IBTM World, que acontece em Barcelona, na Espanha.

O evento reúne mais de 10 mil profissionais do turismo de negócios. O estande brasileiro na Feira tem a coordenação da Embratur e conta com a participação de coexpositores, como a empresa aérea GOL e os destinos São Paulo, Rio de Janeiro, Foz do Iguaçu, Ceará.

No espaço são apresentados ao público a diversidade de oportunidades nacionais e a experiência brasileira em receber eventos internacionais. Segundo o International Congress and Convention Association (ICCA), o Brasil lidera a realização de eventos na América Latina (110 eventos em 2022), seguido da Argentina (104) e da Colômbia (101), no mesmo período.

Ao inaugurar o estande, o ministro, Celso Sabino, enfatizou que o objetivo é promover o “bleisure”, que relaciona o turismo de negócios com lazer. “O turista europeu, quando viaja, busca cultura, lazer, natureza, novos destinos e gastronomia. E, sobre isso, temos muito a oferecer a esses visitantes”, afirmou.

Segundo a Associação Brasileira das Agências de Viagens Corporativas (Abracorp), o turismo de negócios movimentou R$ 1,2 bilhão em setembro no Brasil, alta de 27% em relação ao mesmo período de 2019, antes da pandemia. De janeiro a setembro deste ano, o Brasil recebeu 75,6 mil turistas espanhóis.

REUNIÕES COM INVESTIDORES – A agenda do ministro na IBTM ainda incluiu várias reuniões com potenciais investidores, como o diretor Geral da Agência Catalã de Turismo, Narcís Ferrer e representantes do Shopping Outlet de luxo La Roca Village.

O objetivo é identificar possíveis áreas de interesse dos empreendedores para a atuação destes grupos no Brasil, reforçando a atração de investimentos ao turismo nacional. A Espanha é o segundo pais que mais investe no Brasil, ficando atrás apenas dos Estados Unidos.

“Temos um ambiente de negócios competitivo e um país cheio de oportunidades para atrair novos investidores e é isso que temos buscado nas agendas das feiras internacionais de negócios”, enfatizou Celso Sabino.

*Assessoria de Comunicação do Ministério do Turismo