Novo trem turístico do Rio a Minas Gerais está previsto para circular em fevereiro

0
445

Melhores Destinos – O trem turístico ‘Rio-Minas’ já tem data para começar a funcionar e vai ser mais uma opção para os turistas que querem conhecer as belas paisagens do sul fluminense e a chamada Zona da Mata, em Minas Gerais. As obras de reforma e manutenção dos trilhos tiveram início no dia 25 de junho e a previsão é que o primeiro trecho fique pronto até dezembro, mas com previsão de rodagem em fevereiro do ano que vem, quando o trem passará a funcionar em um estágio inicial.

Em sua página no Facebook, a ONG Amigos do Trem, responsável pela iniciativa, comemorou a retomada das obras. Neste primeiro momento, o trem funcionará em um percurso de 37 km passando por apenas três cidades, Três Rios (RJ), Chiador (MG) e Sapucaia (RJ).

O projeto prevê ao todo um trajeto de 168 km, com duas cidades no Rio (Três Rios e Sapucaia) e outras seis cidades mineiras: Chiador, Leopoldina, Recreio, Volta Grande, Além Paraíba e Cataguases.

Segundo Cyntia Nascimento, presidente da ONG Amigos do Trem, a ideia é que haja inicialmente duas viagens por dia, de manhã e à tarde, aos sábados, domingos e feriados. “O tempo do trajeto vai durar cerca de 2h a 2h30, e queremos que o valor do bilhete seja acessível a todas as pessoas”, afirmou ao Melhores Destinos.

Assim que estiver operando, o trem Rio-Minas vai contar com 4 locomotivas, 15 carros de passageiros e um carro-restaurante, podendo levar até 873 pessoas por viagem. A previsão é que mais de 250 mil turistas façam o passeio por ano. “As cidades vão ter de se reestruturar para receber toda essa demanda”, disse Cyntia.

O projeto do trem turístico

Idealizado em 2016, o projeto que prevê ligar a cidade de Três Rios, no sul fluminense, até a mineira Cataguases tinha previsão para começar a operar em 2018, mas as obras não tiveram sequência. Em agosto de 2021, a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) aprovou a reestruturação do trecho inicial, que já está em obras.

“O pessoal das obras vai nos entregar tudo pronto na semana do Natal e depois precisamos passar pela inspeção da ANTT. Estamos trabalhando com a previsão de que em fevereiro do ano que vem começamos a funcionar”, explicou a presidente da ONG Amigos do Trem.

Segundo Cyntia, a segunda etapa do projeto, que prevê as obras nas linhas das cidades de Leopoldina, Recreio, Volta Grande, Além Paraíba e Cataguases, ainda não tem previsão de entrega.

A linha por onde vai passar o trem turístico estava desativada desde 2015. Em 2018, já houve um teste do trem. O trajeto entre Três Rios e Cataguases vai passar por belas paisagens cercada de montanhas e outras atrações, em um caminho que tem história: os trilhos eram usados principalmente para o transporte de café no início do século XX. Em Chiador, por exemplo, o trem vai passar pela histórica estação Penha Longa, que foi inaugurada por Dom Pedro II em 1869.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here