Destinos no Brasil para praticar turismo de base comunitária

0
421

Confira as melhores opções de destinos nacionais para fazer turismo comunitário e viver essa experiência!

Aqui no Brasil existem diversos destinos para praticar turismo de base comunitária. Essa opção tem sido muito procurada pelos viajantes que buscam não só conhecer o local, mas viver uma experiência diferenciada.

No turismo comunitário existe uma valorização da cultura local, além de aumentar a renda dos moradores da região e também as possibilidades de empregos locais.

Selecionamos algumas das opções nacionais de destinos para praticar o turismo de base comunitária e viver uma experiência única. Confira a seguir!

Destinos no Brasil para praticar turismo de base comunitária

Como dissemos, o turismo de base comunitária é mais do que uma viagem para conhecer a região escolhida. Afinal, é mais uma oportunidade de se conectar com as pessoas locais e conhecer, de maneira mais profunda, uma nova cultura, contribuindo com a renda local.

Essas iniciativas estão cada vez mais comuns no Brasil, e além dos viajantes saírem com uma bagagem cultural, também é benéfico para os moradores que aproveitam da atividade do turismo para gerar mais renda.

Existem diferentes lugares com atrativos na natureza, sendo estes os que mais despertam o interesse dos viajantes, especialmente os que curtem praticar o turismo de aventura.

Mas, para que a sua viagem seja totalmente segura, o recomendado é contar com o seguro viagem. Assim, você previne que alguns problemas possam aparecer, podendo atrapalhar sua experiência.

Confira a seguir algumas opções de destinos no Brasil para fazer esse turismo de base comunitária!

  1. São Paulo – Parelheiros

A região de Parelheiros é uma das mais conhecidas para a prática de turismo de base comunitária. Entre as possibilidades, o bairro de Grajaú oferece guias locais para que os visitantes possam conhecer as ruas do bairro e a cultura local, por exemplo.

Existem diversos projetos comunitários ativos na região, que fazem com que os turistas vivam uma verdadeira experiência com iniciativas de sustentabilidade, lazer, cultura e ecoturismo.

  1. Sertão do Rio Grande do Norte – Geoparque Seridó

No semiárido nordestino existe um lugar que os visitantes vão se impressionar: o território do Geoparque Seridó. Embora pouco conhecido pelos brasileiros, o local impressiona pela sua beleza.

São 2.800 quilômetros que abrange várias cidades, como Currais Novos, Acari, Lagoa Nova e outras. O destino oferece uma imersão profunda na cultura sertaneja do Nordeste.

Além de apreciar as incríveis paisagens, o visitante também vai saborear uma gastronomia invejada, bem como os doces típicos. Entre as atividades, os turistas podem fazer trilhas, meditação na montanha, desfrutar de ambientes surreais e ainda conhecer artistas locais e um povo acolhedor, cheio de histórias para contar.

  1. Minas Gerais – Vale do Jequitinhonha

O Vale do Jequitinhonha é uma das regiões mais pobres economicamente de todo o Brasil. Por lá, existem muitas mulheres que empreendem e tentam ganhar a vida através das suas artes.

Há alguns anos, essas mulheres recebem visitas de turistas com o objetivo de acompanhar o seu dia a dia, as suas tradições, culturas e história de vida.

Os turistas, durante a viagem, podem aprender como é o processo de confecção das peças em cerâmica que são feitas pelas mulheres, além de experimentar a culinária local e a boa hospitalidade.

  1. São Paulo – Bertioga

Dentro do Parque Estadual Restinga tem uma comunidade que se preocupa com a conservação do ecossistema da Mata Atlântica, a Vila da Mata. Além dos cuidados com o local, os moradores oferecem atividades aos visitantes.

Entre elas, observação de aves locais, cultura caiçara e muitas histórias de moradores antigos. Além disso, os turistas também podem realizar um passeio pela horta comunitária e praticar o turismo de experiência, plantando mudas.

Com guias locais, também é possível realizar um passeio pela região. Enquanto conhecem o lugar, os visitantes apreciam as histórias da região e seu povo.

  1. Pará – Ilha de Cotijuba

A Ilha de Cotijuba, que fica localizada no arquipélago de Belém, é uma comunidade movimentada por mulheres independentes e muito fortes.

Elas produzem artesanato, alimentos e apresentam a culinária amazônica aos visitantes que buscam praticar o turismo de base comunitária na região. Além disso, buscam trocar experiências com eles e compartilhar os saberes.

Por lá, você pode participar de oficinas de artesanato e de gastronomia, além de passeios nas trilhas e luau.

Depois de conhecer os destinos no Brasil para praticar turismo de base comunitária, basta planejar a sua viagem e viver essa experiência única!

Por: Jeniffer Elaina, do site SeguroAuto.org.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here