11.5 C
Brasília
19 de junho de 2024
Home Destinos Descubra a essência cultural de Salvador: 10 atrativos imperdíveis

Descubra a essência cultural de Salvador: 10 atrativos imperdíveis

0
368

Balé Folclórico da Bahia – Foto @MarcoJacobBrasil/FebturSalvador, a capital da Bahia e a primeira capital brasileira, uma cidade histórica, rica em cultura, belezas naturais e lugares […]

Balé Folclórico da Bahia - Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Salvador, a capital da Bahia e a primeira capital brasileira, uma cidade histórica, rica em cultura, belezas naturais e lugares impressionantes para visitar.

Por Marco Aurélio Jacob

Conhecida como a “Capital da Alegria”, a cidade encanta visitantes de todo o mundo com sua energia vibrante e atmosfera acolhedora.

Durante o 1º Congresso Febtur de Jornalistas e Comunicadores de Turismo, realizado entre os dias 1º e 3 de junho, mais de 120 profissionais da comunicação de turismo do Brasil inteiro puderam explorar 10 atrativos imperdíveis que revelam a essência cultural dessa cidade encantadora.

Confiram o TOP 10 de Salvador do Congresso Febtur

Sem ser necessariamente nesta ordem, colocamos aqui o que mais chamou atenção e sugerimos essa rota para os viajantes.

1. Pelourinho:

@pelourinho_salvador

https://pelourinhodiaenoite.salvador.ba.gov.br/largo-do-pelourinho/  

Começaremos nossa jornada pelo Pelourinho, o coração histórico de Salvador.

A história do bairro soteropolitano está, intimamente, ligada à história da própria cidade, fundada em 1549, por Tomé de Sousa, primeiro governador-geral do Brasil, que escolheu o lugar por sua localização estratégica.

Suas ruas de paralelepípedos são repletas de casarões coloridos, igrejas barrocas e uma atmosfera única. O Pelourinho é um Patrimônio Mundial da Unesco e oferece uma rica experiência cultural, com apresentações de capoeira, música ao vivo e uma infinidade de lojas de artesanato.

Pelourinho - Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Pelourinho – Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Dica: Quando os vendedores vierem oferecer produtos ou serviços, como a pintura estilo Olodum nos braços, sempre negocie o valor antes, para não levar nenhum susto quando for pagar.

Pelourinho - Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Pelourinho – Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

2. Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, no Pelourinho:

@irmandadedoshomenspretos  
https://pelourinhodiaenoite.salvador.ba.gov.br/igreja-de-nossa-senhora-do-rosario-dos-pretos/

A Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos é uma igreja histórica localizada no coração do Pelourinho. Ela desempenha um papel importante na preservação da cultura afro-brasileira e na história da luta contra a escravidão.

A igreja foi construída no século XVIII, entre os anos de 1704 e 1773, pela comunidade negra livre e escravizada. Era um espaço de culto e resistência para os afrodescendentes, que se reuniam ali para celebrar sua fé e preservar suas tradições culturais.

A arquitetura da igreja é caracterizada por influências barrocas, com sua fachada imponente. Seu interior é decorado com imagens de santos negros e altares ornamentados. A igreja possui uma atmosfera especial, carregada de simbolismo e devoção.

Além de seu valor religioso, a Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos também é um marco histórico da luta contra a escravidão. Foi nesse local que os negros organizaram a resistência e articularam estratégias para conquistar sua liberdade.

Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos no Pelourinho - Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos no Pelourinho – Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Dica: Toda terça feira, é realizada a Missa da Bênção, maravilhosa, e as músicas entoadas na Igreja, são acompanhadas pelos instrumentos típicos da percussão utilizada nos grupos de Salvador com raízes Africanas. Vale muito a pena a visita.

Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos no Pelourinho – Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

3. A Basílica do Senhor do Bonfim

@bonfimsantuario

https://www.santuariosenhordobonfim.com/

A Basílica do Senhor do Bonfim é um dos santuários mais conhecidos e visitados do Brasil. Localizada no bairro do Bonfim, em Salvador, a igreja é um importante local de devoção religiosa e representa uma das principais manifestações de fé na Bahia.

A devoção ao Senhor do Bonfim é uma mistura de tradições católicas com elementos afro-brasileiros, representando uma síntese da cultura religiosa da região.

A construção da basílica começou em 1745, em estilo neoclássico, e foi concluída em 1772. Ela foi erguida em homenagem ao Senhor do Bonfim, uma imagem de Jesus Cristo crucificado que se tornou um símbolo de fé e devoção na Bahia.

A igreja é conhecida por sua fachada branca e sua escadaria colorida, decorada com azulejos portugueses. Seu interior é ornamentado com altares, pinturas e imagens religiosas.

Um dos aspectos mais marcantes da Basílica do Senhor do Bonfim é a famosa “Lavagem do Bonfim”. Todos os anos, em janeiro, uma grande festa é realizada em que a igreja é lavada simbolicamente por baianas vestidas com trajes típicos, que despejam água de cheiro nas escadarias e nos adros da igreja. A Lavagem do Bonfim é uma celebração que mistura elementos religiosos e culturais, e atrai milhares de pessoas de todas as partes do país.

 Basílica do Senhor do Bonfim - Foto Sidiney Rodrigues

Basílica do Senhor do Bonfim – Foto Sidiney Rodrigues

Dica: Faça três pedidos amarrando a Fita do Senhor do Bonfim nas grades em frente à Catedral. A cada nó na fitinha, um pedido, e não conte pra ninguém o que pediu.

 Basílica do Senhor do Bonfim - Foto Sidiney Rodrigues

Febtur na Basílica do Senhor do Bonfim – Foto Sidiney Rodrigues

4. Cidade da Música da Bahia:

@cidadedamusicadabahia

https://cidadedamusicadabahia.com.br/  

A Cidade da Música da Bahia, localizada no setor do Comércio, próximo ao Elevador Lacerda, é um espaço cultural que celebra a rica tradição musical da região. Com exposições interativas, shows ao vivo e uma atmosfera envolvente, o local oferece uma imersão na música baiana, desde o samba de roda até o axé.

Cidade da Musica da Bahia - Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Cidade da Musica da Bahia – Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada)

Horário de funcionamento: Ter a Dom – 10h às 18h (entrada até 17h)

Quartas: acesso gratuito

Praça Visconde de Cayru, 19 – Comércio – Salvador – BA

Informações: 55 (71) 3106-4659

Dica: Vá com tempo, pois as instalações modernas e multimídias contam com vários vídeos de artistas e pesquisadores da música, e ainda conta com diversos estúdios de Karaokê para você se divertir com a sua companhia.

Instalações - Cidade da Musica da Bahia - Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Instalações – Cidade da Musica da Bahia – Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

5. Casa do Carnaval:

@casadocarnavaldabahia

https://pelourinhodiaenoite.salvador.ba.gov.br/casa-do-carnaval-da-bahia/

Salvador é famosa por seu carnaval vibrante e animado, e a Casa do Carnaval é o lugar perfeito para conhecer mais sobre essa festa icônica. O museu oferece uma viagem pela história do carnaval baiano, com exposições de fantasias, instrumentos musicais e vídeos que retratam a alegria contagiante dessa celebração única.

Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada)

Horário de funcionamento: Ter a Dom – 10h às 18h

Quartas: acesso gratuito com agendamento

Endereço: Praça Ramos de Queirós, s/n – Pelourinho, Salvador – BA

Informações: 55 (71) 3324-6360 ou  3324-6791

Casa do Carnaval - Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Casa do Carnaval – Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Dica: Não deixe de tomar aquele cafezinho ou refresco no terraço do museu. A vista do Porto é sensacional.

Casa do Carnaval - Foto Sidiney Rodrigues

Casa do Carnaval – Foto Sidiney Rodrigues

6. Casa do Rio Vermelho (casa de Jorge Amado e Zélia Gattai):

@casadoriovermelho

Jorge Amado (1912-2001), um dos escritores mais renomados do Brasil, é uma figura central na literatura baiana. A Casa de Jorge Amado, localizada no bairro do Rio Vermelho, é um espaço dedicado ao autor e sua obra e sua esposa, Zélia Gattai (1916-2008), escritora e fotógrafa brasileira, se casou com Jorge Amado em 1945 e juntos tiveram dois filhos. Foi uma figura importante na vida intelectual e cultural do casal. Após a morte de Jorge Amado em 2001, Zélia ocupou a Cadeira 23 de seu marido na Academia Brasileira de Letras, tornando-se imortal.

Os visitantes podem explorar a vida e os escritos de Amado, além de apreciar exposições relacionadas à sua contribuição para a cultura brasileira.

 

Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada)

Horário de funcionamento: Ter a Dom – 10h às 18h (entrada até 17h)

Quartas: acesso gratuito com agendamento

Endereço: Rua Alagoinhas, 33, em Salvador, BA

Informações: (71) 99626-1036

Se for de paz, pode entrar

Casa do Rio Vermelho - Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Casa do Rio Vermelho – Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Dica: Pra quem gosta do estilo de camisas de Jorge Amado, na lojinha logo na entrada, vendem camisas floridas bem ao estilo do romancista e de Salvador. E tem um banco, onde Jorge gostava de dar entrevistas, onde as cinzas dele e de Zélia Gattai foram depositadas.

Quarto Jorge Amado e Zélia Gattai - Casa do Rio Vermelho - @MarcoJacobBrasil/Febtur

Quarto Jorge Amado e Zélia Gattai – Casa do Rio Vermelho – @MarcoJacobBrasil/Febtur

7. Casa di Vina – Casa do Vinicius de Moraes:

@casadivinabahia

https://www.casadivinabahia.com.br/

Localizada em Itapuã, a Casa do Vinicius de Moraes (1913-1980) é um local especial para os amantes da música brasileira. Hoje faz parte de um complexo com hotel e restaurante, onde o viajante tem a oportunidade, inclusive, de se hospedar onde era sua suíte, ou mesmo jantar em sua casa em um agradável restaurante com vista para o Farol de Itapuã.

O poeta e compositor Vinicius de Moraes viveu nessa casa durante sua estadia em Salvador, no início dos anos 70, com sua esposa baiana, a atriz Gessy Gesse viveram sua história de amor. Com arquitetura original preservada e acervo gentilmente cedido pela atriz, o hotel abriga um pequeno Memorial que encanta fãs da Bossa Nova.

O espaço é um tributo à sua vida e obra, e oferece apresentações musicais, exposições e uma atmosfera inspiradora.

 

Valores: Hospedagem básica para casal fica a partir de R$ 298,00

Endereço: Rua Flamengo 44, Farol de Itapuã, Casa de Vinicius de Moraes, Salvador, Bahia, Brasil

Informações: (71) 3285-7339 / Whatsapp: (71) 99711-3374

E-mail: reservas@casadivinabahia.com.br

Casa de Vinicius de Moraes @casadivinabahia - Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Casa de Vinicius de Moraes @casadivinabahia – Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Dica: Não precisa estar hospedado no Hotel Casa di Vina para jantar na própria casa de Vinicius, onde tem um pequeno acervo de fotos e objetos da antiga casa do poeta.

Cardápio - Casa de Vinicius de Moraes @casadivinabahia - Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Cardápio – Casa de Vinicius de Moraes @casadivinabahia – Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

8. Praia de Itapuã:

https://www.salvadordabahia.com/experiencias/praia-de-itapua/

Além de sua riqueza cultural, Salvador também possui belas praias. A Praia de Itapuã é um verdadeiro paraíso tropical, com águas calmas e cristalinas, areia branca e coqueiros. É um local perfeito para relaxar, tomar sol e saborear iguarias da culinária baiana em barracas à beira-mar.

Farol da Praia de Itapuã - Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Farol da Praia de Itapuã – Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Dica: Eternizada pela música de Toquinho e Vinicius de Moraes, Tarde em Itapoã, o passeio pela orla e pelo Farol de Itapuã são uma bela sugestão aos casais que querem curtir uma tarde e aproveitar o pôr do Sol.

9. Casa do Comércio:

 https://www.ba.senac.br/Noticias/noticia/10372?title=casa-do-comercio-deraldo-motta-completa-30-anos

https://www.ba.senac.br/cardapiorestaurantecasadocomercio

A Casa do Comércio é um marco arquitetônico na região do Comércio, em Salvador. Inaugurado em 1988, o edifício é um monumento à modernidade em Salvador, foi projetada para integrar e servir como sede administrativa das três entidades: Fecomercio, Sesc e Senac de Salvador. Além do centro de formação profissional e ponto de atrações artísticas e gastronômicas com o Restaurante Escola do Senac e o Teatro Sesc – que tem capacidade para 546 lugares.

Ministra cursos, hospeda eventos como o 1º Congresso Febtur de Jornalistas e Comunicadores de Turismo e oferece uma vista deslumbrante da Baía de Todos os Santos.

Sua localização privilegiada e sua estrutura imponente tornam-no um símbolo do desenvolvimento econômico da cidade.

 

Restaurante Casa do Comercio

Almoço: Seg a Sex – 12h às 15h / Domingo – 12h às 15h

Jantar: Qui a Sab – 19h às 23h

Valor por pessoa:

Segunda-feira e Terça-feira: R$ 69,90

Quarta, Quinta, Sexta e Domingo: R$ 84,90

*Bebidas não estão inclusas no valor.

Endereço: AV. Tancredo Neves, 1109 – Pituba, Salvador – BA

Informações: (71) 3186-4000

Casa do Comercio - Foto Sidiney Rodrigues

Casa do Comercio – Foto Sidiney Rodrigues

Dica: O Restaurante Escola do Senac fina localizado do terraço do edifício e é um restaurante escola, para os cursos de Chef de Cozinha, Barman, Garçons e afins, é uma ótima oportunidade de conhecer a gastronomia local em um prédio modernista e com preços atrativos.

Restaurante - Casa do Comercio - Foto Sidiney Rodrigues

Restaurante – Casa do Comercio – Foto Sidiney Rodrigues

10. Balé Folclórico da Bahia:

@bfdabahia

http://balefolcloricodabahia.com.br/

Encerraremos nossa jornada com uma experiência única: o Bale Folclórico da Bahia. Fundado em 1988, Esse tradicional grupo de dança e percussão afro-brasileiro é reconhecido mundialmente pela sua energia contagiante. Os tambores, os movimentos sincronizados e as coreografias cativantes fazem do Bale Folclórico uma verdadeira celebração da cultura baiana.

Suas performances combinam elementos da dança afro-brasileira, capoeira, samba, maculelê e outros estilos folclóricos da região. Os trajes coloridos e os tambores marcantes são características marcantes das apresentações do Balé Folclórico da Bahia.

Explorando suas raízes africanas e indígenas. Além de apresentações nacionais, o Balé Folclórico da Bahia já se apresentou em diversos países ao redor do mundo, levando a cultura baiana para plateias internacionais.

Ao longo dos anos, o Balé Folclórico da Bahia recebeu reconhecimento e prêmios por sua contribuição para a cultura brasileira. O grupo desempenha um papel importante na preservação e divulgação das tradições folclóricas da Bahia, mantendo viva a identidade cultural dessa região tão rica e diversa.

 

Apresentações regulares às segundas, quartas e sextas no Teatro Miguel Santana

Ingressos:  R$ 90,00 e R$ 45 (meia-entrada)
Rua Maciel de Baixo, 49 – Pelourinho, Salvador – Bahia

Informações: (71) 3322-1962 ou 3321-3611 fundacaobfb@gmail.com

Balé Folclórico da Bahia - Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Balé Folclórico da Bahia – Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Dica: Para quem não conhece as batidas e os Orixás das religiões de matriz africana, é uma parada obrigatória. Além do corpo de bailarinos, as músicas são tocadas ao vivo, engrandecendo ainda mais a apresentação.

Balé Folclórico da Bahia - Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Balé Folclórico da Bahia – Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Dica de Salvador:

Para quem quer conhecer Salvador em algumas de suas festas tradicionais, basta acessar esse site e agendar a viagem: https://www.salvadordabahia.com/festas-populares-de-salvador-calendario-completo/

Salvador é uma cidade contagiante, rica em encantos e atrativos que revelam sua herança cultural e uma imersão espiritual. Do Pelourinho à Casa do Carnaval, da Praia de Itapuã ao Bale Folclórico, cada local nos transporta para uma parte especial do coração e da alma baiana.

Esses 10 atrativos são apenas uma pequena amostra de tudo o que a cidade tem a oferecer. Portanto, aproveite sua visita a Salvador e mergulhe na magia dessa cidade fascinante!

Comunicadores de Turismo do Congresso Febtur de Salvador 06-2023 - Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Comunicadores de Turismo do Congresso Febtur de Salvador 06-2023 – Foto @MarcoJacobBrasil/Febtur

Dicom Febtur

Febtur.org.br