Operadores turísticos europeus visitam destinos bolivianos

0
6
El ministro de Desarrollo Productivo y Economía Plural, Néstor Huanca, anunció nuevos proyectos de industrialización, dos plantas de producción piscícola en La Paz y la amazonia. FOTO/Roberto ARANDA/APG

La Paz (Prensa Latina) Uma grande delegação de operadores turísticos belgas percorre o departamento de Tarija no âmbito da promoção turística da Bolívia, confirmou o ministro do Desenvolvimento Produtivo e da Economia Plural, Néstor Huanca.

Trata-se de uma ação de familiarização desses empresários com o potencial turístico do país andino-amazônico, organizada por essa pasta por meio do Vice-Ministério de Turismo em coordenação com a Embaixada da Bolívia em Bruxelas, no contexto do programa Conheça a Bolívia.

Segundo a autoridade, esta quarta-feira os visitantes visitarão o Museu de São Roque e poderão assistir a uma mini-entrada das danças folclóricas daquele território.

A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura, durante a sua 16ª sessão do Comité, realizada no dia 14 de dezembro de 2021, anunciou a declaração da Grande Festa de São Roque, em Tarija, como Património Cultural Imaterial da Humanidade.

Além disso, no departamento de Tarija, os empresários europeus percorrem a chamada Rota do Vinho, zona onde se produzem as bebidas espirituosas mais famosas do país.

Huanca informou que nesta quinta será a vez do Salar de Uyuni, em Potos; Na sexta-feira percorrerão El Alto e La Paz, e encerrarão a viagem no dia 9 de junho nas ruínas de Tiwanaku, também no departamento de La Paz.

Constituída por representantes de empresas operadoras de turismo europeias, a delegação chegou esta terça-feira ao aeroporto internacional Viru Viru, em Santa Cruz, onde foi recebida pelo vice-ministro do Turismo, Hiver Flores.

Nesse mesmo dia e, naquele departamento, iniciaram as suas atividades no Eco Parque La Rinconada, onde se promove o ecoturismo, o turismo científico e criativo e outras atividades ligadas à natureza.

Da mesma forma, realizaram reuniões com agências Santa Cruz do setor.

O Ministro Huanca descreveu esta visita como importante dado que os turistas europeus gastam “em média dois mil dólares por dia”.

Por sua vez, o presidente da Câmara Boliviana de Turismo, Luis Ampuero, elogiou a gestão do Governo e explicou que a delegação é composta por 26 pessoas ligadas ao “turismo, operadores, agentes de viagens, imprensa e navegação aérea”.

Segundo fontes, os visitantes realizarão rodadas de negócios com colegas bolivianos em Santa Cruz, Tarija, Potosí e La Paz.