Royal Air Maroc vai usar aviões da Embraer

0
193

Companhia marroquina assinou contrato para arrendar quatro jatos E190. Aeronaves serão usadas em rotas para a Europa e Oeste da África.

A companhia aérea marroquina Royal Air Maroc (RAM) passará a utilizar quatro aviões da Embraer em seus voos. A empresa fechou contrato de arrendamento das aeronaves modelo E190 com a empresa irlandesa Aldus Aviation. O primeiro jato tem previsão de entrega ainda para este semestre. As informações foram divulgadas nesta terça-feira (15) pela indústria aeronáutica brasileira.

Os aviões serão usados pela empresa do Marrocos para rotas que saem do Aeroporto Internacional de Casablanca com destino à Europa e a países do Oeste da África. O modelo a ser utilizado pela companhia árabe será configurado com 96 assentos em duas classes, 12 na executiva e 84 na econômica.

“A posição geográfica estratégica do Marrocos oferece um excelente potencial para o desenvolvimento de ligações aéreas com a Europa e a África. Com o E190, a Royal Air Maroc terá a capacidade e flexibilidade para desenvolver ainda mais a sua rede, com uma combinação ideal de frequência e capacidade de assentos”, afirmou John Slattery, diretor comercial da Embraer Aviação Comercial, segundo comunicado.

Atualmente, 70 jatos comerciais da Embraer operam na África e no Oriente Médio por meio de empresas e instituições como a Egyptair Express, Kenya Airways, LAM (de Moçambique), Oman Air, Petro Air, Royal Jordanian, Royal Omani Police, Saudi Arabian Airlines e Saudi Aramco.

“Ao testarmos o avião em sistema de arrendamento durante o verão 2013, nos convencemos de que a confiabilidade e os baixos custos operacionais do E190 vão ajudar a Royal Air Maroc a abrir novas rotas e aumentar frequências para a Europa e cidades africanas”, disse Driss Benhima, CEO da Royal Air Maroc, também de acordo com a nota da Embraer. “A aeronave atende perfeitamente às nossas necessidades em termos de tamanho e alcance, sem comprometer o conforto ou a capacidade de carga”, completou.

Melhor da África

A Royal Air Maroc e a Embraer participam da feira aeronáutica de Farnborough, no Reino Unido. A companhia marroquina informou ainda que foi escolhida como melhor empresa da África este ano pela consultoria britânica do ramo Skytrax, em eleição feita por passageiros.

Com o prêmio, a RAM passa de duas para três estrelas na classificação da Skytrax. “Mas nós não ficaremos satisfeitos enquanto não atingirmos as quatro estrelas”, declarou Benhima, segundo comunicado da companhia.

A empresa serve 32 destinos na África a partir de Casablanca e transporta mais de 1,2 milhão de passageiros nos voos pelo continente, de acordo com a nota.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here