Pernas para que te quero!

0
268

Valletta, a capital de Malta de uma perspectiva que você talvez ainda não tenha visto; história, beleza natural e tradição se misturam nas ruas da cidade

Conhecer Malta é uma experiência única, seja pela arquitetura, pelos costumes dos seus habitantes, pela efervescência da vida noturna, ou pelas atividades físicas “forçadas”. Explica-se, a ilha conta com construções ladeira abaixo e acima. São prédios em subidas de fazer inveja ao Pelourinho.

Apesar de um pouco cansativo no começo, andar nas ruas de Malta pode ser muito prazeroso. Especialmente, se o que interessa são história, beleza natural e tradição. Nesse quesito, em particular, Valletta, a capital, é o “suprassumo”.

IMG_0930

Em beleza natural, a cidade só perde para a famosa “Blue Lagoon” (Lagoa Azul). Ela é uma espécie de piscina natural, alimentada pela água do Mar Mediterrâneo e situada na ilha de Comino, a menor das três que integram o arquipélago. O país é composto, ainda, pela segunda ilha em extensão territorial: Gozo.

O destino desta nossa reportagem, porém, nos remete à Valletta. A capital é “o lar” da presidente do país. Marie-Louise Coleiro Preca venceu as eleições recentemente, em 4 de abril deste ano. A nona presidente de Malta – e a segunda a comandar as rédeas da nação – tem 55 anos de idade, tendo militado desde os 16.

IMG_0948

Desde que tomou posse, ela despacha do “The Grandmaster’s Pallace” (chamado oficialmente de Palácio), em Saint George’s Square. A arquitetura do prédio traz referências italianas, como muitas das casas da capital.

Já os monumentos apresentam resquícios dos vários povos que colonizaram o país (romanos, bizantinos, muçulmanos, espanhóis, italianos e britânicos). Quem anda pelas ruas da cidade – que é relativamente pequena, como toda a ilha – se encanta com as fortalezas antigas, catedrais e muralhas defensivas. Não é à toa que ela é chamada, frequentemente, de “museu ao ar livre”.

Os títulos da cidade variam tanto quanto o número de monumentos disponíveis – são mais de 300, sendo a maioria de acesso gratuito ao público. Valletta já foi chamada de “Cidade Fortaleza”, “Umillissimas Civitas Valletta” (A Muito Humilde Cidade de Valletta) e “Cidade da Arte Europeia”.

IMG_0787

Conhecer a cidade é um espetáculo para os olhos e uma espécie de “volta ao passado”. Os “locais” ainda mantêm hábitos antigos – como pendurar roupas pelas janelas, por exemplo – e obedecem a critérios rigorosos do governo.

Construída com visão arquitetônica diversa da medieval, Valleta surgiu da inspiração de Jean Parisot de la Vallette, cavaleiro da “Ordem dos Cavaleiros de São João”. Ele obteve apoio da Igreja Católica, após a ordem ter vencido os turcos em uma batalha conhecida como o “Grande Cerco”, no ano de 1565.

Valletta tornou-se uma das primeiras cidades europeias a contar com avenidas mais largas e quarteirões “quadrados”. Também inovou com o “sistema de saneamento básico” e passa, atualmente, por constantes ações de preservação.

O governo do país impõe uma série de restrições aos moradores para que a cidade não se descaracterize. Daí, a sensação de que o tempo parou quando andamos pelas ruas. Apesar de ter ruas mais largas que o normal – para os padrões europeus da época –, a maioria das vias é estreia, sendo acessadas por ladeiras.

A modernização está presente na criação de novos acessos, como elevadores (que são gratuitos) e a implantação de melhorias nos prédios antigos. Entre elas, instalações de novos bancos em teatros, igrejas e monumentos.

 

Em 1991, Valleta tornou-se patrimônio mundial da humanidade, título concedido pela Unesco. O reconhecimento veio a partir da implantação da “Lei de Proteção de Antiguidades” – constada pelo mesmo órgão – no ano de 1955.

Lugares para ir:

Fort Sant-Elmo e Museu Nacional de Guerra

Sacra Infermaria (atual Centro de Convivência Mediterrâneo)

Teatro Manoel

Catedral de São Paulo

Jardins de Hasting

Upper Barrakka

Como chegar

De Saint Julians, pegue as linhas de número 12 ou 13, com destino a Valletta.

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here