De vandalismo no Coliseu a nudismo em templo sagrado – confira a lista dos piores turistas de 2023

0
312

MD – Educação é bom e todo mundo gosta, ainda mais na casa dos outros, não é mesmo? Mas parece que não é todo mundo que pensa assim, viu? O ano de 2023 foi incrível para quem ama viajar porque o turismo voltou com tudo, e junto com as viagens, vêm as histórias. Mas nem todas elas são bonitas e legais, teve muita gente que rendeu comentários negativos por suas ações em vários destinos do mundo — e ainda teve quem sofreu consequências mais sérias… Confira uma lista dos viajantes mais mal-educados mês a mês no ano de 2023 elaborada pela CNN  – uma verdadeira aula do que NÃO fazer enquanto viaja!

Janeiro

Itália frequentemente sofre com a visita de uma galera sem noção, que desafia as leis de preservação de patrimônio do país —e vamos combinar, eles abrigam uma infinidade de itens e monumentos históricos, né? Em janeiro, um americano de 34 anos ousou passar de carro na Ponte Vecchio, em Florença. Esta é a passarela para pedestres mais famosa da Itália, construída na Idade Média e restaurada para ligar Palazzo Pitti às Galerias Uffizi sob o domínio dos Médici. Há uma história de que a ponte encantava tanto as pessoas que os alemães a preservaram intacta durante a Segunda Guerra Mundial, já que Hitler teria se apaixonado por ela em uma visita a Mussolini. A multa pela aventurinha foi de 500 euros.

Fevereiro

E além dos pontos turísticos históricos, a natureza também saiu perdendo neste ano. Uma influenciadora achou que era uma boa ideia fazer uma transmissão ao vivo em suas redes sociais preparando e comendo um tubarão branco na China, espécie que é protegida no país. Ela foi multada em 125.000 yuan, ou US$ 18.600 (mais de R$ 90.000).

Março

A primavera mal havia chegado em Bali, na Indonésia, quando um turista russo ficou nu da cintura para baixo no Monte Agung, um vulcão sagrado para o deus Shiva. A ideia era tirar uma foto, mas a imagem deu um pouco mais de trabalho do que Yuri Chilikin esperava. Ele recorreu a uma mediadora de conflitos com turistas internacionais para se desculpar e precisou participar de uma cerimônia no templo, rezando ao lado dos hindus. Ainda assim, foi deportado.

Abril

Um grupo de jovens resolveu dar uma incrementada na visita ao Lake District, no Reino Unido, área conhecida por lindas paisagens. Eles aproveitaram a natureza para usar “cogumelos mágicos” — droga alucinógena. Os socorristas foram alertados e encontraram o grupo aparentemente desorientado dentro do parque. 

Maio

Parece que a moda do verão europeu atraiu tanta gente para a região, que a administração de uma vila austríaca se cansou dos turistas tirando selfies por lá e ergueu um muro para bloquear a visão. Hallstatt, que inspirou os cenários do filme Frozen, da Disney, colocou uma cerca depois de ter atingido até 10.000 visitantes por dia, sendo que a vila abriga apenas 800 moradores. Gente, não julgo, rs… 

Reprodução/ Yahoo

Junho

Mais uma vez os pobres monumentos italianos sofrendo na mão dos turistas engraçadinhos. Dessa vez, o Coliseu romano! Um jovem britânico foi filmado entalhando a frase “Ivan + Hayley 23” na atração de mais de dois mil anos. Apenas um dia depois, a polícia rastreou sua localização, o que o fez implorar por perdão. Segundo as autoridades, o rapaz agora aguarda julgamento.

coliseu roma pontos turisticos

Julho

O verão europeu seguiu sendo marcado por vandalismo no Coliseu. Em julho, mais dois jovens foram pegos tentando escrever seus nomes na parede do Coliseu. Primeiro uma garota Suíça e no dia seguinte um jovem alemão. Gente, que pira é essa?

roma coliseu

Agosto

Agosto foi um mês agitado, muitas gafes foram cometidas e leis infringidas por turistas. Pra começar, a turma dos peladões se animou novamente e obrigou os proprietários de um famoso campo de girassóis inglês a publicarem um apelo em suas redes sociais, para que os turistas parassem de se despir para tirar fotos. Em entrevista à CNN, o dono do Stoke Fruit Farm, localizado na Ilha de Hayling, ao lango da costa sul da Inglaterra, comentou “Sempre tivemos pessoas tirando fotos ousadas, mas este é o primeiro ano em que se tornou um problema, por isso colocamos placas”.

Na Itália, um casal de alemães foi preso por picharem o Corredor Vasari em Florença, que liga as Galerias Uffizi à Ponte Vecchio. Os dois estavam na cidade para um jogo de futebol — inclusive, a pichação fazia referência ao time do coração dos vândalos, rs. A declaração de amor não saiu barata, na verdade, custou cerca de US$ 10 mil (quase R$ 50 mil) em danos materiais.

Ainda em agosto, uma turista resolveu se refrescar do calor enchendo a sua garrafa de água na Fontana Di Trevi, em Roma. Não se sabe ao certo o que aconteceu com ela depois disso, mas a última que foi vista ela estava sendo detida pelas autoridades. Entrar na fonte pode resultar em multas de 500 euros (mais de R$ 2.500).

roma italia fontana di trevi

E se você acha que Paris ficou fora da lista, está enganado! Dois americanos foram encontrados bêbados na Torre Eiffel numa manhã. Aparentemente, os dois passaram a noite por lá e acabaram detidos por alto consumo de álcool, rs.

Setembro

E parece que não foram só os turistas que se comportaram mal neste ano… A Air Canada foi muito criticada recentemente por obrigar alguns passageiros a sentarem em poltronas visivelmente sujas de vômito num voo de Las Vegas para Montreal. Segundo os passageiros, algum outro cliente passou mal no voo anterior e a equipe não fez a limpeza para o trajeto seguinte.

“Eles colocaram borras de café no bolso do assento e borrifaram perfume para disfarçar o cheiro. Quando os passageiros claramente chateados tentaram explicar à comissária de bordo que o assento e o cinto estavam molhados e ainda havia resíduos visíveis de vômito em sua área, a comissária de bordo explicou que o voo estava lotado e não havia nada que pudessem fazer”, escreveu um passageiro nas redes sociais. A cia lamentou o ocorrido e pediu desculpas após a repercussão da história.

Outubro

Um turista americano danificou duas esculturas romanas do século 2 d.C em Israel. Segundo as autoridades, o homem derrubou as estátuas porque as considerava idolatria, mas a defesa do rapaz contradisse a versão, alegando que ele sofreu da “síndrome de Jerusalém”, condição em que os turistas ficam tão atordoados pelas histórias do local que dissociam da realidade.

Novembro

Para finalizar a lista, um americano entrou para a lista vermelha dos filipinos e teve sua entrada permanentemente proibida no país, depois de escrever palavrões em um dos formulários de imigração, “digitou um endereço fictício nas Filipinas, não incluiu seu nome completo e inseriu palavras obscenas em sua entrada”, observaram as autoridades. Além disso, ainda foi relatado que ele mostrou “desdém” com os oficiais. O ato foi considerado desrespeitoso e o rapaz se tornou a 44º pessoa proibida de entrar no país só neste ano por esse motivo.

Com informações da CNN. 


Agora é a sua vez de encerrar a lista contando uma historinha dessas ocorrida em dezembro! Deixa aqui nos comentários.